História e Canavial |

TAG | Crianças

dez/10

9

Nossa Cultura nas Escolas

PROGRAMA CANAVIAL

EDITORIAL 95

 

Nossa Cultura nas Escolas

Severino Vicente da Silva

Meus amigos,

Estamos começando o mês de dezembro e nele acontece a festa de natal. Essa palavra lembra outra, nascimento. A cada mês de dezembro fazemos uma festa para lembrar o nascimento de uma criança que foi apontada como sinal de contradição por trazer alegrias e sofrimentos a muitos. A festa de 25 de dezembro lembra uma criança que nasceu sem uma casa, junto a animais e visitada por gente muito simples, pastores e reis encantados com a tranqüilidade de uma mulher e homem felizes por estarem continuando a obra da criação divina.

Em nossa região da Mata Norte, neste ano, a festa do Menino Jesus parece que vai começando mais cedo. Em Goiana está sendo realizado o Primeiro Encontro Infantil de Cultura Popular da Zona da Mata. Uma das idéias básicas do projeto é debater a relação entre a cultura que as crianças aprendem nos terreiros, quintais, nas salas de suas casas e a cultura que elas aprendem nas escolas que freqüentam. O professor Paulo Freire costumava dizer que quando uma pessoa vai para a escola ela já sabe muita coisa: ela já sabe falar português, sabe o significado de muitas palavras, sabe dançar, carregar água, ajudar a lavar os pratos e muita coisa que aprendeu antes de ir para a escola. Mas acontece que nem sempre as pessoas que trabalham nas escolas não levam esses conhecimentos em consideração, não seguem o ensinamento do professor Paulo Freire que dizia que, a gente, primeiro deve considerar o que é o aluno já sabe para, começar do lugar onde ele está.

Ora, meus amigos, na nossa região muitos meninos já são mestres de algumas brincadeiras, sabem tocar bage, sabem versos do Cavalo Marinho, sabem tocar triângulo, responder ciranda, dançar de caboclo. Tem até deles que são poliglotas, ou seja, falam outra língua além do português, pois alguns freqüentam terreiros de Xangô ou Jurema e sabem expressões da língua nagô. E esse Primeiro Encontro Infantil de Cultura Popular da Zona da Mata está discutindo como fazer para que a cultura que nós aprendemos de nossos avós e pais, essa cultura que ensinamos a nossos filhos, pode também ser ensinada nas escolas, porque é com ela que o Brasil tem sido construído.

E é assim que o Programa Canavial começa o mês de dezembro, parabenizando o pessoal que, em Goiana, está procurando maneiras de fortalecer a nossa cultura nas escolas freqüentadas por nossas crianças, de maneira que as escolas reconheçam os saberes que os pequenos mestres da cultura aprenderam com os mestres da sabedoria popular.

 

Para os dias 10 e 11 de dezembro de 2010.

· ·

out/10

10

Dia das crianças

Crianças na Gongorra - Portinare

Crianças na Gongorra - Portinare

 

PROGRAMA CANAVIAL

EDITORIAL 86

DIA DAS CRIANÇAS

Severino Vicente da Silva

Meus amigos,

Esta semana todos nós vamos ver na televisão, ouvir nos rádios e nas bicicletas sonoras que passam por nossas ruas lembretes que vai acontecer o dia das crianças, e por isso nos devemos mostrar carinho por nossos filhos, sobrinhos e netos porque eles são crianças. Mas o que escutamos é que nós devemos visitar as casas de comércio e comprar algum presente para nossas crianças, brinquedos, bonecos e muitas coisas que interessam à principal atividade que uma criança deve ter: brincar. É, meus amigos, queremos um mundo em que as crianças estejam afastadas das obrigações de fazer trabalhos para assegurar a sobrevivência da sua família. As crianças precisam brincar pois enquanto brincam elas aprendem. Quando uma criança brinca de “pega”, ela aprende contar, a usar os pés e as pernas para correr, aprende a escolher os lugares por onde passar, seu cérebro é ativado e levado a tomar decisões, a superar obstáculos e a que precisa se esforçar para alcançar o seu objetivo. Nessa simples brincadeira de sair correndo, a criança aprende a conviver com os seus colegas, ela aprende a seguir regras e assim aprende a viver na sociedade. Assim acontece com todas as brincadeiras.

Neste dia 12 de outubro as crianças esperam ganhar algum presente para que possam brincar com eles. Mas o principal presente que a gente pode dar aos meninos e meninas é o carinho. O mais simples carrinho pode ser o mais belo presente se for dado com amor, com carinho, com a disposição de ficar brincando com quem recebeu o presente.

O Programa Canavial lembra que neste dia da criança, que também é o dia da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, e também o dia em que a Europa conheceu a América depois da viagem de Cristóvão Colombo. E também deseja que todos os adultos celebrem o dia da Criança, virando criança com as crianças de suas casas e das ruas onde vivem. Além disso, vamos continuar trabalhado para que as crianças de nossas cidades sejam felizes, mas isso só será possível se os seus pais também forem felizes.

 Escrito para os programas dos dias 8 e 9 de outubro 2010.

· · ·

Theme Design by devolux.nh2.me