Archive for March, 2011

Capacitação em contação de histórias


2011
03.19

Nosso projeto Leitura no Ponto pretende alcançar vários objetivos secundários em torno de seu objetivo principal que é formar leitores aqui, na borda dos canaviais de Aliança, no entroncamento que leva a Upatininga. A formação de leitores está relacionada a idéias muito comuns, tradicionais, como a arte de saber conversar, a arte de contar histórias, a arte de ouvir com atenção aquilo que nos é dito.

O que é um livro senão uma história que vem sendo contada desde que foi pensada e depois escrita? Ficar com um livro na não é ficar com um contador de história junto da gente, é conversar e acompanhar e imaginar os pensamentos, os personagens que o autor inventou.

 Mas a leitura é um hábito que se aprende desde a infância, quando a gente tem a oportunidade de ver quando uma pessoa mais velha toma um livro na mão; quando isso acontece, ela desvenda os mistérios ali para uma criança que crescerá. Haverá um momento que a criança compreenderá que os sonhos e realidades podem ser organizados em palavras e que as palavras fazem surgir novos sonhos e realidades.

Mas é difícil tornar a leitura um hábito para crianças cujos pais não tiveram a oportunidade de ir a escolas? Como fazer a criança experimentar a alegria da leitura e do estudo quando estão acostumadas ouvir : “se não se comportar vai estudar”. O livro passa a ser um inimigo a ser evitado.

Nossos encontros com livros e alegrias têm trazido bons resultados, pois terminamos o ano com 40 freqüentadores de nossos sábados e iniciamos este ano de 2011 com 40, mas vieram outros com promessa de serem freqüentadores após o carnaval, assim disseram suas mães. Mas como atender esse interesse? Como nos tornarmos melhores?

Pensando nisso, neste mês de fevereiro tivemos quatro sessões de estudos para melhorar a nossa atuação na Arte de Contar histórias. A educadora e profissional de técnicas de informação, Andréa Batista, que nos auxiliou a organizar a Biblioteca Mestre Batista, do Ponto de Cultura Estrela de Ouro de Aliança, esteve com Daniele Maria, Érica Fernandes, Wanessa Santos, Rogério, Manuela Guedes e Amélia Patrícia para transmitir parte de seus conhecimentos nessa bela arte. Assim nos capacitamos para sermos melhores educadoras, pois entendemos que todos os moradores na Zona da Mata Norte, precisam ser, cada vez mais, melhores para servir as crianças da Chã de Camará e sua vizinhança.